• Silvano Formentin

Como aprender italiano estudando menos de uma hora por dia


Você sabia que é possível aprender a falar, entender e se comunicar em italiano sem estudar várias horas por dia, durante anos?


Na verdade, é possível aprender italiano em apenas alguns meses, estudando menos de uma hora por dia.


Talvez você ache impossível, mas essa ideia, de que é necessário muito tempo de estudo para aprender um novo idioma, nasceu das escolas e cursos de ensino tradicionais, que além de aplicarem uma metodologia de ensino ultrapassada ainda têm como objetivo manter o aluno estudando pelo maior tempo possível.


Afinal, essas escolas cobram mensalidade.


Pense por um momento no quanto o mundo evoluiu nas últimas décadas. No entanto, o sistema de ensino se manteve praticamente o mesmo. Ou melhor, uma coisa mudou: o quadro negro e o giz foram substituídos por um quadro branco e canetas coloridas.


A metodologia tradicional, onde o aluno senta em uma mesa e assiste ao professor durante algumas horas, algumas vezes por semana, por vários anos, ainda é a mesma.


Eu poderia explicar em detalhes os motivos dessa metodologia ser ineficiente, mas acho que você não tem interesse em saber.


O importante, o que todos querem saber, é como aprender de verdade, de maneira mais rápida e mais eficaz.


Como é possível aprender uma nova língua estudando menos de 1 hora por dia e em apenas alguns meses?


A resposta está em mudar o jeito de estudar: em vez de “assistir à aula”, o aluno (você) deve PARTICIPAR da aula.


“Ouvir a explicação do professor não é suficiente, pois a prática é necessária para entender a teoria”


Essa ideia foi defendida e propagada pelo professor Pierluigi Piazzi, que acumulou mais de 100 mil alunos durante sua vida e escreveu livros como “Aprendendo Inteligência” e “Estimulando Inteligência”.


Além de sua experiência como professor, ele estudou por anos a Neurociência e a Inteligência artificial. A conclusão à qual chegou foi de que a maneira que o cérebro é ativado quando o aluno participa ativamente do estudo potencializa em muitas vezes o seu aprendizado.


Isso permite que se aprenda mais rápido e melhor.


Ou seja: quando utilizamos a metodologia certa, podemos aprender italiano mesmo estudando alguns minutos por dia.


É claro que ainda será necessário estudar e fazer exercícios, mas com cerca de 40 minutos diários (podendo até fazer 20 minutos pela manhã e 20 minutos à tarde), a fluência pode ser alcançada em menos de 12 meses.


Na verdade, utilizando o meu método próprio, meus alunos conseguem atingir esse resultado em apenas 8 meses.


Isso prova que o que estou falando não é teoria. É resultado prático.


Mas como funciona o estudo ativo?


Como eu disse antes, estudo passivo é aquele em que o aluno se senta na cadeira e assiste à aula do professor. Ele espera que o conhecimento entre por seus ouvidos e permaneça no seu cérebro, mas não é isso que acontece.


Para absorvermos de verdade o conteúdo estudado, devemos:

- Escrevê-lo à mão

- Fazer exercícios

- Pensar sobre o assunto

- Fazer perguntas

- Ler e reler o que escrevemos

- Fazer mais exercícios


Lembre-se: Os exercícios não são um complemento à aula. As aulas é que são um complemento aos exercícios.



Assistindo à aula você entende, fazendo exercícios você aprende! Mas cuidado: em se tratando de aprender italiano, fazer exercícios não é responder uma infinidade de problemas de gramática, mas sim trabalhar a leitura, a audição, a escrita manual e a repetição espaçada.

Além do estudo ativo


Em conjunto com uma metodologia de estudos mais eficiente, existem outros fatores que podem ajudar as pessoas que têm uma rotina corrida e pouco tempo para estudar.

Alguns deles são:


1. Ensino à distância


Um curso online, por exemplo, é uma boa ideia.

Afinal, você não perde tempo com locomoção e trânsito. Pode estudar onde quiser, no horário que preferir.


Dessa maneira, mesmo que você tenha um dia cheio, pode encontrar alguns minutos no horário de almoço, quando chegar do trabalho ou até mesmo de manhã, antes de sair de casa, para estudar e conquistar o seu objetivo de falar italiano.


2. Aulas gravadas


Com aulas gravadas é possível pausar a aula, revê-la várias vezes, assistir várias em seguida quando tiver tempo...

Ou seja, caso apareça um compromisso que atrapalhe seus estudos, sem problema: você pode pausar a aula e continuar após o compromisso.


3. Formas alternativas de estudo


Estudar não precisa ser resumir as aulas. Você também pode (e deve) utilizar outros métodos de aprendizado, como escutar áudios, ler livros, ver filmes. É claro, esses áudios, livros e filmes devem estar em italiano.


Obviamente estudar apenas dessa maneira não é suficiente, mas é uma boa ferramenta complementar às aulas, uma ótima forma de imersão.


4. Usar as redes sociais de maneira correta


Atualmente, o maior consumidor de tempo das pessoas é o celular, as redes sociais.

Mesmo quem diz que tem pouco tempo livre costuma passar algumas horas por dia nas redes sociais. E faz isso sem nem perceber!


A primeira dica é, então, diminuir o tempo gasto nas redes sociais.


A segunda dica é: consumir conteúdos de qualidade nas redes sociais.


Esqueça fofocas, futilidades e “memes” se quiser aproveitar melhor seu tempo. Você pode encontrar muito conteúdo no Facebook, Instagram e Youtube, tanto de italiano quanto de qualquer outro assunto que você tenha interesse em aprender.


Inclusive, eu mesmo posto muitas dicas, aulas e lições nessas plataformas. Tenho dicas rápidas, de dois minutos ou menos, vídeos mais longos e até aulas completas de mais de uma hora. E está tudo lá de graça, para você aproveitar.


Como esses:



Vou também liberar no link abaixo uma das minhas aulas ao vivo que ficam no ar por apenas alguns dias, exclusivo para você que acompanha o meu blog.


Clique aqui para assistir a aula do dia 26/11


Resumindo: quem estuda com a metodologia certa e utiliza as melhores ferramentas para auxiliar em seu aprendizado não tem porque se preocupar com falta de tempo!


Todos podem alcançar a fluência em italiano, desde que estejam dispostas a estudar e se dedicar de verdade, mesmo que por apenas alguns minutos por dia.

1,104 visualizações

NUNCA MAIS PERCA UMA POSTAGEM!

Insira seu e-mail abaixo para receber nossas novidades, além de dicas e aulas gratuitas!

Siga-me também nas redes sociais

  • Instagram

© 2019, Silvano Formentin

  • Ícone preto do Facebook
  • Preto Ícone YouTube
  • Ícone preto do Instagram