• Silvano Formentin

6 dicas de etiqueta para usar na Itália

Venha conhecer os costumes italianos e aproveite ao máximo da cultura


Minha paixão pela Itália, sua cultura e língua me faz diariamente estar em contato com o idioma e além de escutar músicas e preparar lições para meus alunos, eu costumo fazer buscas em sites italianos.


Além de praticar o idioma, buscar informações em sites italianos nos faz ter informações privilegiadas, nos abrindo um novo universo.


Eu já falei um pouco sobre esse outro universo em um dos meus podcasts:


Viajando no universo paralelo do idioma italiano e das informações diferenciadas, eu encontrei um teste que me chamou atenção.


O teste de etiqueta da Accademia Italiana di Buone Maniere, Galateo e Costume me deixou curioso e resolvi testar o quanto eu sabia sobre as regras de etiqueta italiana.


A academia tem sede em Roma e outras unidades em Florença, Milão e Nápoles.


A mesma destina-se a estudar as regras de boas-maneiras italianas e ministrá-las em cursos básicos ou avançados. Assim como compartilhar conteúdos em seu blog, tem até um manual de boas-maneiras para uso de perfume!


A Academia se define como:

“L’Accademia Italiana di Buone Maniere, Galateo e Costume è il primo esempio in Italia di studio, ricerca e formazione sul cosiddetto “Saper Vivere”.

L’Accademia nasce dall'esigenza di creare un luogo di studio e di incontro per l’approfondimento delle buone maniere, del Galateo e del Costume nei suoi vari aspetti letterari e pratici declinati anche alle scienze sociali, storiche e comportamentali.

Entre algumas perguntas mais formais, uma das questões me surpreendeu. A questão perguntava se devia desejar “Buon apetito” e a resposta me parecia óbvia.


Sim!

Eu desejava bom apetite para meus amigos na Itália e isso era comum para mim. Como poderia responder diferente?


Mas para academia não é educado desejar bom apetite e isso me mostrou um certo distanciamento entre as regras formais da academia e o que se encontra na Itália.


Diante da minha surpresa, resolvi reunir um pouco da minha vivência na Itália com algumas regras que são mais utilizadas no dia a dia italiano.


Assim sua viagem ou moradia na Itália vai ser ainda mais próxima da realidade local e você vai evitar alguns choques culturais na hora das refeições.


Preparado para ter uma refeição italiana maravilhosa?

Então vamos as dicas:


1. Cada prato na sua vez

Nada de carne e risoto no mesmo prato ou salada com carne.

As refeições italianas são feitas em etapas e cada tipo de alimento tem sua ordem para chegar à mesa.

A refeição típica italiana é composta por: antipasto, primi piatti, secondi piatti e insalata. E depois da refeição ainda tem o cafezinho.

Então nada de se empolgar nas entradas e ficar sem provar todos os pratos.

No vídeo a seguir eu explico o que você encontrará em cada etapa:



2. Refeição não é apenas comida

Na Itália comer é um ato sagrado, todos se sentam à mesa juntos para apreciar a refeição e a companhia das pessoas.

Comer fora da mesa é um gesto visto como mal-educado, significando que você não se importa com a cerimônia social e seu anfitrião ficará chateado.

Assim como o uso de celular na mesa, demonstrando pouca importância que a pessoa está dando àquele momento.

Por isso na Itália é raro ver alguém andando e comendo.

Isso nos mostra ainda mais a importância de cada momento para os italianos. Afinal andar e comer ao mesmo tempo, significa andar e comer pela metade.

Um dos itens que costuma fugir desta regra de andar e comer é o delicioso gelato.


3. Com as mãos

Nada de faca para cortar o pãozinho na hora das refeições.

Os pães costumam acompanhar os primi piatti, mas você também pode encontrá-los no antipasto.

Sabe aquele molho que fica no prato depois da massa? O pãozinho está ali para que você se delicie e limpe o prato, literalmente.

Fare la scarpetta é o nome dado ao ato de pegar o pão e passa-lo pelo prato pegando o molho, com a mão.


Outro prato que é saboreado com as mãos é a pizza.

Os italianos costumam cortar pedaços de pizza com a faca e depois comê-los com a mão.

Lembrando que a pizza é uma refeição individual na Itália.

4. Nada de trocas

No Brasil é normal o cliente alterar o pedido.

Tira cebola, tira pimenta, coloca isso ou aquilo.

Mas como você já percebeu, as refeições na Itália são especiais e se a receita é assim, será feita assim.



Vale lembrar que ketchup e maionese não estão na receita da pizza, sendo considerados crimes culinários.

5. De olho nos gestos

Cuidado com o gesto na hora de tentar elogiar alguma refeição.

No Brasil, o gesto é mais comum para essa situação é feito puxando levemente uma das orelhas. Na Itália esse gesto significa que a pessoa é homossexual.


Então é bom prestar atenção para não confundir.


Na Itália devemos colocar o dedo indicador na bochecha e girá-lo, assim indicamos uma boa refeição.


6. Cappuccino tem hora

Cappuccino é visto como café da manhã pelos italianos e eles vão te olhar estranho se você o tomar depois de alguma refeição.

Principalmente porque o café depois das refeições é visto como uma forma de ajudar a digestão, e o leite do cappuccino atrapalharia o processo.



Esse momento será perfeito para você experimentar o famoso expresso italiano.

Essas são as minhas 6 dicas para uma boa refeição ao estilo típico italiano, não desejo de modo algum desmerecer as normas formais da Academia.

Outra coisa que é importante mencionar, para que você não se assuste em algum restaurante, é que em várias regiões da Itália é comum e perfeitamente normal assoar o nariz em público e até durante as refeições. Presenciei várias vezes esse ato peculiar e barulhento, pra não falar outra coisa.

Mas, na minha opinião, são essas coisas diferentes que enriquecem a experiência cultural de uma viagem. Não devemos julgar, até porque alguns de nossos costumes são inaceitáveis em outros países.

Meu objetivo com este artigo foi de trazer as normas sociais nas refeições italianas em seu dia a dia, compartilhando o cotidiano de uma casa ou restaurante italiano.

Aqui no blog eu já escrevi um artigo sobre diferenças culturais entre Brasil e Itália, além das regras nas refeições.

Clique ali para ler o artigo: Um oceano nos separa

Se você também ficou curioso(a) para saber seu desempenho no teste de boas maneiras da Accademia Italiana di Buone Maniere, Galateo e Costume, clique aqui para realizar o teste.

Me conte nos comentários como você se saiu no teste e qual das dicas é sua preferida.

1,568 visualizações1 comentário

NUNCA MAIS PERCA UMA POSTAGEM!

Insira seu e-mail abaixo para receber nossas novidades, além de dicas e aulas gratuitas!

Siga-me também nas redes sociais

  • Instagram

© 2019, Silvano Formentin

  • Ícone preto do Facebook
  • Preto Ícone YouTube
  • Ícone preto do Instagram